Mensagem

O Jovem Cristão e o uso das Redes Sociais. Perigo na Rede.

Por Marcos Rozeno

“Segui a paz com todos e a santificação, sem a qual ninguém verá o Senhor”( Hebreus 12:14)

Com o crescimento maciço das redes sociais, cresce também um grande perigo entre os jovens cristãos que acessam a internet, o pecado “cibernético”.

O cientista Allen Downey, da Olin College de Massachussets (EUA) fez um estudo recente na qual destaca que a baixa frequência nos cultos religiosos de jovens americanos está associada ao uso inadequado das redes sociais.

No Brasil o Facebook é a rede social mais utilizada, seguido do twitter w instagram. Através das redes sociais compartilhamos imagens e pensamentos do nosso cotidiano. Também nas redes sociais podemos encontrar e compartilhar sobre nossa profissão, viagens e uma infinidade de outros assuntos.

O que tem mais chamado atenção nas redes sociais é o comportamento e posicionamento do jovem cristão em meio a tantas informações e opiniões de diversos assuntos. Esse versículo do livro de Hebreus nos alerta sobre duas coisas determinantes para recebermos a vida eterna com Cristo, a paz com todos e a santificação.

Vemos nessa pesquisa que os jovens estão mais interessados em ficar conectados as redes sociais do que estar na igreja aprendendo da Palavra de Deus. No Brasil temos um outro fato curioso que preocupa a liderança cristã. Jovens usando rede sociais durante os cultos.

Não é difícil vermos pelo facebook jovens postando selfies do momento do louvor dos cultos como se estivessem em shows. Estamos comprometendo nosso momento de adoração ao Senhor, e isso se segue também durante a mensagem, apelo, orações e até santa ceia. Que culto estamos prestando ao Deus todo poderoso?

Além disso, muito cristão tem defendido ardentemente sua fé nas redes sociais lançando maldições em quem posta uma simples critica, ou tem uma opinião contrária. Como defender uma fé sem fundamentos? Como terão conhecimento se até nos cultos estão conectados as redes e não a Palavra de Deus?

“A fé vem pelo ouvir, e ouvir a palavra de Cristo” (Romanos 10:17)

Se não ouvimos a Palavra de Deus, logo não a praticamos e achamos que somos os defensores da fé de Cristo nas redes sociais. Cristão, cuidado! Não é somente isso.

As redes sociais e a internet estão cheias de armadilhas de satanás, ou você acha que o ladrão das nossas almas não está nas redes buscando a quem possa tragar. Não compartilhe calunias, heresias e perversões. Que paz com todos é essa que curte as desgraças das pessoas, quando na verdade a Bíblia nos ensina a amar até mesmo nossos inimigos?

“Eu porem vos digo: Amai a vossos inimigos” (Mateus 5:44)

Seguir a paz com todos na igreja é tarefa fácil. Na faculdade ou trabalho também conseguimos fazer isso, até porque um confronto direito pode resultar em agressões físicas. Então muitos partem para as agressões via redes sociais, xingamentos e difamações sem se preocupar com as pessoas e a dimensão que uma postagem possa alcançar.

“A morte e a vida estão no poder da língua; o que bem a utiliza come do seu fruto” (Provérbios 18:21)

Podemos mudar a palavra língua por postagens nas redes sociais. Qual o fruto que você colherá postando tantas palavras torpes, pensamentos facciosos, compartilhando heresias, curtindo (concordando) imagens que destroem vidas? Isso e outras coisas mais que em nada contribuem para a paz que nos é ensinada.

“Não ameis o mundo, nem o que no mundo há” (I João 2:15)

“Portanto, qualquer que quiser ser amigo do mundo constitui-se inimigo de Deus” (Tiago 4:4)

O mundo também está nas redes sociais, o pecado jaz a porta. Daremos lugar ao diabo através do nosso facebook? Compartilharemos o pecado em nosso Instagram? Postaremos palavras torpes em nosso Twitter?

Fazendo tais coisas como poderemos nos santificar? Como podemos ser chamados de cristãos? Cristão simplesmente é um exemplo de Cristo. O cristão tem que refletir na sua vida a imagem de Jesus.

Muitas vezes desagradamos a Deus para ganharmos mais curtidas em nossas postagens.

“Quem é injusto, seja injusto ainda; quem é sujo, seja sujo ainda; e quem é justo, seja justificado ainda; e quem é santo, santificado ainda.

E, eis que venho, e o meu galardão está comigo, para dar a cada um segundo a sua obra” (Apocalipse 22:11-12)

Amados, quero terminar essa palavra focando nessa palavra tão gloriosa. Somos santos, separados do mundo, servos de Deus que precisamos a cada dia nos santificar mais e mais. Temos uma recompensa prometida pelo eterno e bom Deus.

Que sua conta no Facebook seja um instrumento de Deus para as nações. Nosso Instagram seja um testemunho das maravilhas de Deus, e o twitter um missionário da internet.

“Portanto, quer comais quer bebais, ou façais outra coisa, fazei tudo para a glória de Deus” (I Corintios 10:31)

Somos escolhidos de Deus para fazermos a diferença nesse mundo. Que nossa casa, vizinhança, trabalho, faculdade e redes sociais sejam impactadas pelo amor de Deus através de todos nós.

Tags
Show More

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close