Artigos

Vença a tentação das compras por impulsos

Os riscos são muito grandes pois podemos criar uma estrutura de endividamento que sairá imediatamente do controle

“Não sobreveio a vocês tentação que não fosse comum aos homens. E Deus é fiel; ele não permitirá que vocês sejam tentados além do que podem suportar. Mas, quando forem tentados, ele mesmo providenciará um escape, para que o possam suportar”. 1 Coríntios 10:13

Vivemos tempos de tentações cada vez maiores para o consumo, hoje tudo que queremos é de fácil acesso, seja a poucos cliques na internet ou por outros caminhos. Mesmo quem não tem dinheiro também se mostra tentado e tem uma facilidade cada vez maior de crédito, mostrando que as formas de compras apenas se multiplicam.

Mas, para sobreviver a essas tentações, meus irmãos e irmãs, confesso que sei que não são atos simples. Perante à essa realidade observo que a grande saída passa necessariamente pela educação financeira.

Digo isso pelo fato de hoje não existir mais alternativas como, por exemplo, quebrar o cartão de crédito ou rasgar o talão de cheques, pois os pagamentos podem ser efetuados até mesmo por meio de celulares. Vivemos uma verdadeira ‘Torre de Babel’ do consumo, na qual nos confundimos a cada momento sem entender, apenas buscando chegar a um topo irreal.

Nessa busca, os riscos são muito grandes pois podemos criar uma estrutura de endividamento que sairá imediatamente do controle. Assim, não devemos apenas objetivar os seus por meios de estruturas falhas, achando que o consumir trará felicidade. Temos que buscar o céu de forma estruturada e consciente, na qual se estabeleça alicerces realmente seguros e que se possa gradativamente construir um caminho de sucesso financeiro.

Pensando nisso, elaborei algumas orientações para quem busca o foco da compra consciente:

1- Analise seus hábitos
Observe em quais situações faz compras por impulso e mude o padrão. Se gosta de passear em shoppings, por exemplo, procure outras opções de lazer;

2- Tenha objetivos maiores
Resgate seus sonhos, pelo menos três: um de curto prazo (a ser realizado em até um ano), outro de médio prazo (entre um e 10 anos) e outro de longo prazo (acima de dez anos). Com objetivos estabelecidos, destinará menos recursos às compras por impulso;

3- Planeje as compras com antecedência
Faça um orçamento financeiro mensal e nele considere quais compras fará no decorrer do período, após ter poupado para conquistar seus sonhos em primeiro lugar;

4- Poupe primeiro, compre depois
Crie o hábito de guardar dinheiro antes de gastar. Juntando recursos para pagar à vista, conseguirá preços melhores por conta dos descontos, além de criar o hábito de fazer pesquisas e garantir a melhor compra;

5- Questione-se antes de comprar
Pergunte a si mesmo: “Eu realmente preciso disto?”, “Estou comprando por necessidade ou movido por outro sentimento, como carência, baixa autoestima ou influência de terceiros?”;

6- Saiba se pode pagar
Antes de comprar, veja de quanto dispõe efetivamente para gastar, se tem condições de comprar à vista ou se tem certeza de que conseguirá arcar com as próximas parcelas;

7- Cuidado com cartão de crédito
Não considere o limite do cartão de crédito e do cheque especial como parte de sua renda. Lembre que são opções de crédito, ou seja, formas de comprar algo agora e pagar com juros depois.

Por Reinaldo Domingos

Show More

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close